Apenas sorrindo

Tempo de leitura: 1 minuto

Sorriso feminino

Estou com vontade de sorrir, sem nenhum motivo especial, sem pretensão nenhuma, sem saber o porquê ou nem mesmo precisar explicar o porquê. Simplesmente sorrir, de uma maneira sincera e talvez meio ilógica. Acho que isso torna especial, um momento sem explicações, totalmente espontâneo.

Talvez sejam as lembranças que me fazem sorrir e sentir falta de coisas do passado. Um passado não tão distante, mais recente do que eu gostaria que fosse. Recente o bastante para me fazer lembrar de como é boa essa sensação e como é triste não senti-la mais. É uma pena não ter durado tanto quanto eu gostaria

Felizmente, a vida continua, segue o seu curso e eu continuo aqui, sorrindo por motivos bobos e chorando por razões mais bobas ainda. O que seria da humanidade se não fossem esses pequenos momentos espontâneos? Vazia quem sabe, sem nenhum valor, apenas robôs egocêntricos, trabalhando para satisfazer seus caprichos.

E é por isso que talvez eu sorria, sem motivos, valorizando cada momento da minha existência. Vivendo um dia após o outro, mesmo com momentos difíceis. Apenas sorrindo.

Texto por Débora Carvalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.