A garotinha do ponto de ônibus

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Garota em um ônibus

Esse post foi gravado em áudio. Se você preferir pode ouvir o áudio ao invés de ler o texto.

Tudo começou num dia logo após as aulas da escola. Fui para o ponto de ônibus como sempre fazia, mas nesse dia uma coisa diferente aconteceu. Você apareceu e me perguntou se o ônibus já havia passado, eu respondi que não, e então ficamos lá esperando finalmente o ônibus passar.

Você era uma garotinha linda que estava com uma mochila nas costas, e eu era um garoto que nem sabia puxar papo. Prometi para mim mesmo que esperaria você crescer, até lá já teria perdido a timidez, então conseguiria falar contigo. Foi apenas uma semana nos encontrando no ponto de ônibus, depois nunca mais te vi por lá.

Não tinha perguntado seu nome, e só o descobri quando durante os jogos interclasses do nosso colégio você usava uma camiseta que continha ele. Gravei seu doce nome em minha boca e prometi que era questão de tempo. Mas você foi embora, desapareceu e nunca mais ouvi nada sobre você. Encontrei-te anos depois quando tive que ir a tarde ao meu colégio, e você já estava quase na idade certa que eu disse que tentaria algo, mas minha timidez ainda não tinha ido embora.

No meu último ano de colégio te vi diversas vezes, mas minha timidez com mulheres ainda estava lá. Você já estava do jeito que queria, e até olhou algumas vezes para mim, mas como da outra vez não fui puxar papo.

Um ano passou e a única coisa que pude ver foram seu perfil no Facebook, suas fotos no Instagram, e você beijando outro garoto em pleno comércio da nossa cidade, bem em minha frente. Quando vi o beijo senti aquela dor dentro do peito, a garotinha linda do ponto de ônibus tinha crescido e ido atrás de outro garoto que não era eu. Entristeci-me. Para mim havia acabado.

Só que não, tudo apenas começou. Ninguém vai conseguir entender, mas nas próximas semanas, devido há alguns acontecimentos, nós vamos nos tornar bastante conhecidos um do outro. Ninguém sabe o que pode surgir daí, talvez uma amizade, ou quem sabe um relacionamento amoroso.

Ainda não tenho uma resposta para o que será de nós a partir de agora. Sei apenas que meu coração dói a cada vez que acesso seu Instagram ou que você posta uma nova foto no Facebook e eu curto, mas a verdade é que eu curto você, e muito.

*Esse texto pertence ao Cartas Para Elas, um apêndice do romance Desilusões Apaixonadamente Amorosas.

14 Comentários


  1. manero (e você preferir pode ouvir o áudio ao invés de ler o texto) bem pensado isso para os que nao querem ler ,ta com falta de coragem bem pensado

    Responder

    1. “E se ela não gostar de mim? E se eu não for tão interessante para ela? É tanta coisa para se pensar? Argh”

      Isso é só para mostrar como situações como essas são complicadas, pelo menos do ponto de vista de quem está gostando.

      Responder

  2. Não sei se você quer opinião de mulher, mas o tempo que você perde sofrendo, você poderia investir chamando a menina pra fazer alguma coisa legal. Faz o seguinte, junta um grupo, de amigos e amigas e vão comemorar alguma coisa, sei lá, qualquer coisa e chama ela. Tipo, sem compromisso, com um grupo de pessoas ela não vai se sentir pressionada, as vezes pra moça tbm é chato sair com um cara assim só. E ai, no grupinho vocês vão conversando e se conhecendo, sabendo do que ela gosta, livros, filmes, música, cor, futuro, essas coisas, um papo puxa o outro, deixa ser espontâneo, não queira impressionar ela em demasia, só seja você mesmo. Em outra ocasião você chama ela pra um encontro a sós. Entendeu???

    Responder

    1. Opinião vindo de mulher ou de homem, ou qualquer tipo de pessoa, é sempre importante. O texto é justamente para falar isso, que a gente acaba sofrendo por besteiras. Mas agradeço pela dica, vou poder utilizá-la em outras situações.

      Responder

  3. Você precisa evoluir certas coisas. Você não pode ser tão tímido assim, Você tem um blog chamado "o minuto do saber", mas parece que você não sabe de nada, não está sabendo controlar suas emoções e nem contornar as situações. Isso é uma crítica aberta e construtiva, não se ofenda, mas é sério, você tem que ter atitude cara! Mulher gosta de cara feliz, seguro e confiante. E está me parecendo que está te faltando isso. Vamos melhorar!!!

    Responder

    1. Samara, esse texto está diretamente relacionado a um projeto meu que revelarei no final desse mês, e adoraria poder ter lido essas suas palavras a alguns anos atrás. Hoje em dia sou mais confiante e isso é apenas um reflexo do que já fui.

      Responder

  4. Você mesmo admitiu que ela já retribuiu seu olhar algumas vezes, e sendo deste modo pode considerar que ela já esta interessada em você. Porem, falta de atitude e insegurança não é nada atraente, cansa e desgasta. Tenha logo uma atitude, e pare de ficar imaginando. Dos dois modos você só corre o risco de nunca ter uma experiência real com essa garota e se arrepender ou se decepcionar com ela quando realmente estiverem tendo algum relacionamento, porque não é saudável criar expectativas demais e quem muito espera perde a vida. Aproveite as oportunidades que a vida lhe da para ser feliz. Se não, um dia acordará velho,reprimido e da cabeça aos pés, cheio de arrependimentos.

    Responder

    1. Rita, esse texto é baseado em um projeto meu que revelarei no final do mês. Mas supondo que seja real, ainda temos um problema. Isso já me aconteceu outra vez, que é a questão do olhar dela. Ás vezes nossa cabeça cria histórias que não existem para que uma garota que a gente gosta acabe gostando da gente. Pensamos que ela está sorrindo para nós, quando na verdade ela só está feliz por outra coisa e simplesmente olhou pra gente porque estávamos na frente dela.

      Responder

    1. Isnard, esse texto está diretamente relacionado a um projeto meu que revelarei no final desse mês. Mas se for verdade eu não faria continuação, e nem diria a essa garota que escrevi um texto sobre nós.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.