Filme da Semana #18

Tempo de leitura: 3 minutos

Filme O Predator

Hoje o filme da semana é uma grande obra de ação, com grande destaque para a atuação do brilhante ator Arnold Schwarzenegger, que fez um papel genial e muito por isso o filme é lembrado até hoje.

Outro fator é o começo (1987) do que viria a ser uma consagrada série de filmes.

Mais uma vez vamos ter comentários do grande especialista em filmes João Paulo, do blog Grind House Project.

O Predador

Sinopse original: A história de um grupo de soldados encurralados por um inimigo invisível, uma força mais poderosa do que suas mais eficazes armas. Recrutados pela CIA para resgatar reféns mantidos pelos guerrilheiros em um país da América Central, os homens encontram um inimigo muito mais mortal do que qualquer outro sobre a face da Terra – porque o Predador não é deste planeta.

O Predador

Comentários:

João Paulo (Grind House Project)

O Predador está entre um dos “monstros” mais famosos do cinema norte-americano e consequentemente mundial. Atualmente muitos só conhecem “Predador” e “Alien”, por causa do filme lançado na década passada em que reúne essas duas grandes figuras da ficção. E mesmo que possa parecer chato para fãs de um desses vilões mencionar o outro, é algo inevitável. É mesma coisa de estarmos falando do vilão “Freddy Krueger” e não querer em momento algum que alguém mencione seu “rival” “Jason Voohress”.

O que chama atenção no filme é a excelente mistura da realidade com ficção, e o que nos deixa mais apreensivo é a demora em aparecer o monstro ou o que quer que seja, mas muito benfeita por sinal. A atuação de Arnold Schwarzenegger vai melhorando ao decorrer do filme, e após a metade consegue uma atuação mais que satisfatória. O mesmo pode ser dito ao uso do suspense no filme.

Este é o filme recomendado não apenas para fãs do mundo fictício, mas para quem não está acostumado com o estilo do filme e está preparado para algo diferente. “O Predador”, de 1987, é um filme único, e nenhuma de suas duas sequências chegou perto.

A história não é muito trabalhada e o que mais se destaca são as cenas de ação e a mistura de medo e coragem de cada um presente na floresta. Talvez a melhor parte do filme seja mesmo o final por inúmeras revelações e de maneiras muito bem trabalhadas e de efeitos especiais envolventes.

Leo Caprara (Minuto Do Saber)

O filme é um grande marco da ação, tendo momentos de um certo suspense, o que o deixa mais interessante ainda, pois existe sempre a aflição de estar em uma floresta com uma máquina de matar em algum lugar só esperando para fazer mais vítimas.

Outro fator é o belo trabalho que foi feito no vilão, pois para 1987 ele ficou incrivelmente bem feito, podemos até considerar como em “O Exorcista”, um belo trabalho de maquiagem e efeitos.

E para mim a atuação do Arnold Schwarzenegger foi muito boa, pois ele entrou no personagem e passou uma sensação de que ele estava sentindo realmente os efeitos da selva e a tensão do combate.

Com tudo é um ótimo filme e uma bela dica para você que não o assistiu ainda e, também para quem já assistiu vale a pena assistir novamente.

E você, o que achou desse filme? Deixe sua opinião nos comentários e, também visite meu novo site, o Info Diretas.

2 Comentários


    1. Luciano Junior

      Sim, inclusive é muito melhor que esse novo, apesar da bela atuação de Alice Braga.

      No filme novo eles fazem algumas citações ao antigo, inclusive é Alice quem faz, lembrando como o primeiro guerreiro venceu a criatura.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.