Tipo de paquera determina como será relação, diz pesquisa

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Paquera

Um estudo feito pelo professor de comunicação Jeffrey Hall, da Universidade de Kansas, EUA, mostrou que o tipo de paquera influencia o comportamento das pessoas durante a relação.

Para fazer a pesquisa, mais de 5 mil adultos foram entrevistados sobre seus estilos de paquera e modos de comunicar interesse romântico. Analisando os resultados, foram identificados cinco estilos de paquera: física, tradicional, educada, sincera e divertida.

A paquera física envolve a expressão do interesse sexual por um parceiro em potencial. Pessoas com pontuação alta nesta forma de paquera frequentemente desenvolvem relacionamentos rapidamente, tendo melhor química sexual e conexão emocional com seus parceiros.

A paquera tradicional é fundamentada no pensamento de que os homens devem fazer a primeira aproximação. Por adotar um papel mais passivo, as mulheres com esse estilo normalmente têm problemas para obter atenção do parceiro e não gostam de paquerar ou serem paqueradas. Já os homens tendem a demorar mais tempo para se aproximar das mulheres. Ambos os sexos costumam ser introvertidos e preferem encontros íntimos.

A paquera educada foca nas boas maneiras e comunicação não-sexual. Embora sejam menos propensos a abordar um parceiro em potencial e gostar de paquerar, as pessoas com esse estilo comumente têm relacionamentos intensos.

A paquera sincera tem como base a criação de conexões emocionais e a comunicação sincera de interesse. As mulheres têm pontuação mais alta nesse estilo, mas para ambos os sexos, a relação envolve conexões emocionais e química sexual fortes.

A paquera divertida normalmente envolve pouco interesse em relacionamentos duradouros. As pessoas com esse estilo o consideram agradável e acreditam que levanta seu auto-estima, mas são menos propensas a ter relacionamentos intensos.

“Em alguns sentidos, os primeiros momentos no desenvolvimento de uma relação são importantes para o sucesso do relacionamento a longo prazo, incluindo o casamento”, diz Hall.

E você, tem que estilo de paquera? Deixe sua opinião nos comentários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.