O que significa CD e DVD?

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

CD

Os CDs e DVDs foram um grande avanço na tecnologia, eles permitiram que muitos mais dados fossem gravados numa mídia transportável, superando e muito a capacidade do disquete/vinil/VHS (você conhece?). Mas o que será que essas siglas significam? Será mesmo que CD significa Come e Dorme, e DVD significa Deita Vira e Dorme? Descubra agora.

CD

O CD é a abreviatura de Compact Disc, Disco Compacto em inglês. Foi inventado em 1979, comercializado a partir de 1982, e já foi a mídia mais popular de armazenamento do mundo. Com relação aos discos de vinil, o CD proporcionou uma maior capacidade, durabilidade e clareza sonora, sem chiados. Já com relação aos disquetes era possível armazenar em um CD o equivalente a aproximadamente 487 disquetes.

A primeira vez que o Compact Disc veio a público foi em 8 de março de 1979, quando a Philips anunciou publicamente um protótipo de CD-ROM de áudio em uma conferência de imprensa, “Philips Introduce Compact Disc”. Esse é considerado o lançamento oficial do CD, mas em 76, três anos antes, a Sony já havia anunciado publicamente um disco óptico digital de áudio. Mas sem problemas, já que nos próximos anos Sony e Philips se uniram para fazer mais pesquisas na área.

Um CD possui quatro camadas: a primeira é uma camada adesiva; a segunda é uma camada de acrílico, que contém os dados propriamente ditos; a terceira é uma camada reflexiva composta de alumínio e, finalmente, uma quarta, chamada de camada plástica, feita de policarbonato. As combinações dessas camadas deixam o CD com aquela cor de prata, que é mais prata em discos “originais”, pois os CDs graváveis, daqueles que gravamos em casa, possuem uma camada especial de corante para permitir a gravação de dados num drive comum de CD, sendo possível ver mais claramente o arco-íris no CD.

A parte de informações de um disco é composta de uma longa espiral (22,188 voltas, o que daria cerca de 5,6 km de extensão), e as informações são gravadas em furos nessa espiral. Para ler um CD é necessário um CD ou DVD player, que contém um laser com luz no comprimento infravermelho que varre a espiral. Essa luz é refletida pela superfície do disco e captada por um detector. Esse detector manda as informações para a máquina em formato de bits (0 e 1).

DVD

O DVD é a abreviatura de Digital Versatile Disc, em português Disco Digital Versátil, e seu significado anterior era Digital Video Disc. Foi criado em 1995, tendo uma maior capacidade de armazenamento que o CD, devido a uma tecnologia óptica superior, além de padrões melhorados de compressão de dados. Com relação ao VHS tem uma qualidade de imagem e som bem superior.

Na década de 1990 dois tipos de discos-ópticos de grande capacidade estavam sendo desenvolvidos, eram eles o MultiMedia Compact Disc (MMCD), liderado pela Philips e Sony (que haviam se unido depois da criação do CD), e o outro era o Super Density Disc (SD), patrocinado pela Toshiba, Time-Warner, Matsushita Electric (Panasonic), Hitachi, Mitsubishi, Pioneer, Thomson e JVC. Na época, o presidente da IBM, Lou Gerstner, viu que essa disputa seria um problema, e iria acontecer o mesmo que aconteceu com o VHS e o Betamax, por isso ele tentou unir os dois sistemas.

Dessa forma Philips e Sony abandonaram o formato MMCD e concordaram com o formato da Toshiba, mas com duas modificações relacionadas com a tecnologia implicada. A primeira seria o “push-pull” (pular) das faixas (empregado já no CD, e que permitia que você pudesse pular de uma música para outra), uma tecnologia conjunta da Philips e Sony. A outra era a adoção do sistema Philips EFMPlus. Apesar desse sistema diminuir em 6% a capacidade de armazenamento (de 5GB para 4,7GB), ele tornava o DVD mais resiliente e resistente a intempéries tais como arranhões e impressões digitais. Como resultado em 1995 foi anunciado o DVD 1.5.

O primeiro DVD Player (leitor de DVD) esteve disponível apenas em Novembro de 1997 no Japão, Março de 1998 nos Estados Unidos, 1999 na Europa e 2000 na Austrália. No Brasil, como sempre atrasado, a tecnologia só começou a ganhar força em 2002 e 2003, um ano após a maioria dos outros países, tudo porque não decidiram o Código de Região de DVD, que permite com que estúdios de cinema controlem seus lançamentos em cada país, pois os DVDs de filmes vem com um código que permite que só certas regiões leiam cada tipo de DVD.

***

Os dois já possuem sucessores, que são os dispositivos de armazenamento em massa, como pendrives, cartões SD, e também o formato Blu-ray, que ao invés de luz infravermelha, utiliza um laser azul-violeta.

>> O que significa MC e DJ?

Gostou de descobrir o que essas siglas significam? Sugira para gente outras siglas que intrigam sua cabeça.

Fonte: Wikipédia (1), Wikipédia (2), Wikipédia (3), Wikipédia (4), Yahoo Respostas

4 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *