Sessão Nostalgia: Scooby-Doo

Tempo de leitura: 2 minutos

Scooby-Doo

Scooby-Doo é um desenho animado americano produzido pela Hanna-Barbera, e criado no ano de 1969 por Iwao Takamoto.

Os personagens foram criados por William Hanna e Joseph Barbera, pelo executivo da CBS Fred Silverman, pelos roteiristas Joe Ruby e Ken Spears e pelo desenhista Iwao Takamoto. O título original era “Who’s Ssssscared?”. Mas durante um voo para Los Angeles, Silverman ouve a música “Strangers in the night” de Frank Sinatra, na qual há um trecho da música em que Sinatra canta “dooby dooby doo”.

Depois Silverman rebatizou o desenho de “Scooby-Doo, Where Are You?”, lançado na rede CBS americana em 3 de setembro de 1969, e tornou um cão o astro do show. Silverman queria um show que misturasse comédia e mistério. E foi isso mesmo que Scooby-Doo trouxe.

O desenho é constituído por quatro adolescentes: Fred, Velma, Daphne e Salsicha, com um cão dinamarquês que fala chamado Scooby-Doo. Eles viajam em uma van de nome Máquina Mistério, e ajudam a resolver casos misteriosos. Além de visitar lugares inóspitos, casas mal-assombradas, parques abandonados, pântanos e ilhas, ameaçados por fantasmas, múmias, monstros e terríveis vilões.

Scooby-Doo (personagem) é o apelido de Scoobert-Doo, um cachorro covarde. Que só faz o trabalho de detetive quando é chantageado por causa de um bom lanche ou por causa dos famosos biscoitos Scooby. Aliás, outro comilão é Norville Rogers, ou como conhecemos Salsicha, o dono do Scooby. Juntos os dois resolvem a maioria dos casos (sem querer é claro). Sem contar as famosas frases de Salsicha: “Scooby-Doo, meu filho, cadê você?” e “Que tal um lanchinho, Scooby?”. Além da famosa frase de Scooby: “Scooby-Dooby-Doo-oo-oo!”.

Também temos Fred Jones, o jovem corajoso, líder do grupo, que é apaixonado por Daphne. Aliás, Daphne Blake, a patricinha milionária, também gosta de Fred, mas nenhum dos dois admite. Ainda temos Velma Dinkley, a garota inteligente e cheia de “fórmulas científicas” para resolver os casos.

Scooby-Doo tem um roteiro previsível, mas nem por isso ruim. Depois de uma ideia mirabolante eles usam Salsicha e Scooby para que em uma perseguição consigam capturar o vilão. O vilão que sempre está mascarado e quando tiram a máscara revelam alguém já conhecido na história. Depois disso dizem a famosa frase: “Eu teria conseguido se não fossem por aqueles moleques enxeridos e esse cachorro idiota”.

Scooby-Doo até hoje ainda é muito famoso, aparecendo como brinde em lojas como McDonalds e HABIB´S. Também apareceu ou foi lembrado nas seguintes séries: Johnny Bravo; Harvey, o Advogado; A Caçada dos Padrinhos Mágicos; Billy e Mandy; Johnny Test; Yin Yang Yo; ICarly; Os Feiticeiros de Waverly Place; Capitão Planeta e Os Simpsons.

Com informações da Wikipédia.

4 Comentários


  1. A parte da descoberta do vilão é bem legal, pois a gente pensa que é uma certa pessoa, ai descobre que é outra.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.