O pequeno príncipe [Resenha]

Tempo de leitura: 1 minuto

Sinopse: Por meio de uma narrativa poética, o livro busca apresentar uma visão diferente de mundo, levando o leitor a mergulhar no próprio inconsciente, reencontrando sua criança.

À primeira vista, um livro para crianças. Na definição de Antoine Saint-Exupéry, seu autor, “um livro urgentíssimo para adultos”, o que talvez explique a extraordinária sobrevivência literária de O Pequeno Príncipe. Publicado pela primeira vez em 1943 na Nova York em que foi escrito e, no ano seguinte, na França, a versão brasileira chegou às livrarias em 1952.

Apesar da presença explícita de dois personagens e do registro de um diálogo entre o aviador e uma criança, diversos aspectos autobiográficos estão presentes nesta narrativa. Através de imagens simbólicas, as passagens de ordem temporal, na vida do autor, estão ali presentes: casamento/separação, profissões, sonhos, decepções. Os dois personagens tornam-se representações do próprio Saint-Exupéry, em um monólogo interior entre o “eu” e o “outro”. Acompanha uma carta muito especial do sobrinho de Antoine de Saint-Exupéry e a assinatura do autor na capa.

Livro na Livraria Cultura: http://bit.ly/PrincipeCulturaM
Livro na Americanas: http://bit.ly/PrincipeAmericanasM
Livro no Submarino: http://bit.ly/PrincipeSubmarinoM

2 Comentários


  1. Esta história é uma verdadeira obra-prima literária, sem dúvidas. Como não gastar elogios com o terceiro livro mais traduzido da história? A história do Pequeno Príncipe é simples, mas pura poesia. O autor discorreu e escreveu não apenas uma história, mas uma ampla reflexão de valores, deixando uma mensagem poética e sensível sobre o seu ponto de vista em relação aos valores que devemos seguir, e como agir.
    Cada personagem, cenário e desenho da história traz uma sensibilidade que eleva a alma.
    Recomendo a todos que leiam O Pequeno Príncipe. Uma leitura sublime, tênue e inesquecível.

    Responder

    1. Olá Fernando, obrigado pelo comentário!
      Realmente O Pequeno Príncipe é uma excelente leitura, o jeito que é escrito faz a gente viajar e adorar cada vez mais essa obra prima.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.