Carta para o parceiro da minha ex

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Esse post foi gravado em áudio. Se você preferir pode ouvir o áudio ao invés de ler o texto.

Antes preciso me apresentar, sou o Gabriel, o ex da sua querida namorada. Sim, sou o cara que ela fez juras de amor antes de te conhecer, e compartilhou com ela os melhores beijos e sexo, antes de você se tornar o melhor. Sou eu também a razão dela ter conhecido você, e durante as próximas linhas você vai entender o por que.

Enfim, essa carta é só para te dar algumas avisos sobre essa garota que agora dorme pensando em você. Primeiro, ela gosta de dormir com algum foco de luz, pois ainda tem medo de escuro. Falando em medos, cuidado com palhaços, ela também tem medo deles. E o principal, ela é muito tímida, então na maioria dos casos ela não vai te dizer o que quer, até tentei ajudar ela nisso, mas ela não percebeu que esse é um dos seus maiores problemas, e o problema que fez nosso relacionamento terminar.

Não adianta tentar falar com ela sobre mim, provavelmente ela vai negar minha existência, ou falar que sou um babaca que não a valorizou. A verdade é que terminamos porque de fato ela sempre teve medo de mim, mas essa carta não é para explicar porque terminamos, e sim para te dar alguns avisos.

O primeiro aviso é não precisa apagar as mensagens que mando pra ela no WhatsApp. Não, não quero ser novamente o namorado dela, mas ainda sinto por essa garota um carinho imenso, um laço de real amizade, e fico muito triste porque não posso falar com ela. Todos os amigos dela acham que sou idiota, e por isso apagam minhas mensagens, isso também inclui você. Por esse motivo não converso mais com ela, não quero parecer o cara egoísta que quer acabar com o relacionamento “perfeito” de vocês. Eu só queria a amizade dela, mas nem isso posso ter.

O segundo aviso está relacionado ao primeiro, e é bem curto e grosso: deixa de ciúmes. Ela realmente gosta de você, não precisa ficar de ciúmes bobos. Digo isso não por egoísmo, mas por que sei que esse ciúme vai fazer você afastar a maioria dos amigos dela, e por experiência própria sei que ela não tem forças pra dizer não. Um dia ela estará casada com você e sem amigos pessoais, e nesse momento não quero me arrepender de nunca ter dito isso.

E como terceiro e último aviso, tenha calma. Vocês acabaram de se conhecer, não sabem ainda como será a vida de vocês. Então vão com calma, nada de preparar o casamento já para os próximos sete meses. Um casamento requer muita coisa, e o principal, requer que você tenha certeza que pretende passar boa parte da vida ao lado dessa pessoa. Paciência, enquanto isso aproveitem esse momento.

É isso. Qualquer coisa é só me chamar pelo Whats, caso ela ainda não tenha apagado meu número (coisa que acho que ela já fez).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *