A diferença entre o rolezeiro e você

Tempo de leitura: 3 minutos

Rolezeiros

Nenhuma. A verdade é que não existe nenhuma diferença entre nós, pessoas consideradas “normais”, e os rolezeiros que ficaram muito famosos no Brasil e que hoje quase não estão aparecendo mais.

Temos uma tendência a julgar os outros e não percebemos que fazemos a mesma coisa, talvez de modo diferente, mas fazemos. Um bom exemplo é andar de carro, você já andou de carro, seja ele seu ou de outra pessoa? E também já viu outra pessoa andando de carro? Pois bem, já deve ter visto outro motorista parando em local errado, e com certeza já o xingou muito. Agora se lembre de que alguma vez você já teve que parar errado, tudo porque você precisava descer ali e não tinha outro lugar para uma parada.

Percebeu que muitas vezes fazemos coisas erradas, mas temos algo para justificar. E será mesmo que a outra pessoa também não tinha uma boa desculpa, será mesmo que ela fez aquilo porque era um babaca idiota? Às vezes a gente tem que se colocar no lugar do outro e percebemos que somos iguais a ele.

E não poderia ser diferente com os rolezeiros, pra falar a verdade nem gosto desse nome, mas enfim. Você tem uma atitude muita parecida com as deles, só que de forma diferente. Talvez você já tenha parado em uma calçada e ficado conversando com seus amigos, obrigando as pessoas a terem que passar pelo meio da rua. Talvez você já tenha obstruído outra passagem. Ou talvez você tenha deixado o som no último volume atrapalhando seus vizinhos.

Para que você tenha uma ideia melhor, resolvi pegar alguns discursos dos rolezeiros, e transcrever para você e depois fazer uma adaptação de como você diria a mesma coisa.

Rolezeiro: Rolezeira, pra mim é curtição, sair.
Você: A gente tem que curtir a vida, aproveitar e conhecer outros lugares.

Rolezeiro: Um role legal é você curtir, beber, zuar e ficar.
Você: Hoje vou pra night, curtir, beber e conhecer gente nova.

Rolezeiro: Eu e minhas amiga combinou de vir de short, tomara que caia e Melissa.
Você: Amiga, vamos combinar de ir com um vestido apertado e salto alto?

Rolezeiro: Colocar um short, às vezes um salto, uma blusinha, chamar atenção.
Você: Vestir um short, às vezes um salto, uma blusinha, pra ficar arrumada.

Rolezeiro: E aí, vamo fechá?
Você: Posso te conhecer?

Rolezeiro: Tem uns meninos que são muito brutos, já chegam agarrando, fazendo outras coisas.
Você: Tem uns garotos que são muito brutos, já chegam agarrando a gente.

Rozeleiro: Se o menino for muito gato aí eu falo aí eu tenho que trocar umas ideias da hora e pá nê, vê se ele tem papo mermo.
Você: Se o homem for muito gato, eu deixo ele conversar e vejo no que dá.

Rozeleiro: Primeiro beijo, depois Whatsapp. Primeiro Whatsapp, depois beijo.
Você: Primeiro Whatsapp, depois beijo. Primeiro beijo, depois Whatsapp.

Rolezeiro: Isso aí é mô tiração desses shopping, sê é loco.
Você: Tão de brincadeira, impedindo a gente de se divertir.

Agora você pode até dizer que nunca fez nada disso, mas tenho certeza que não há tanta diferença assim entre você e um rolezeiro. Talvez a única diferença clara seja que você não faz sua festa no shopping, mas faz em casa, com volume alto e sem pedir autorização.

Obs.: Não consideramos as pessoas que foram aos shoppings para roubar como rolezeiras, essas são apenas idiotas aproveitadores e ponto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.