Crianças na internet e a segurança na rede

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Criança na internet

O uso da internet pelas crianças é algo muito discutido atualmente, seja em programas de TV ou mesmo na própria internet. Há sempre aquelas recomendações de que o acesso das crianças à internet deve ser acompanhado pelos pais, ou ainda a adição de programas para bloquear alguns sites inapropriados para essas criancinhas.

Antes de falar qualquer coisa vamos definir o que é uma criança. Segundo a Constituição Federal Brasileira as crianças são os indivíduos de até onze anos de idade, ou seja, pessoas até um segundo antes de fazer doze anos.

Toda essa definição foi para chegar a um ponto importante. Antes de tudo, para que uma criança usa a internet? Para jogos, trabalhos escolares e principalmente para utilizar as redes sociais, que serve para se socializar com outras pessoas. É aqui que a coisa está ficando errada.

Primeiramente redes sociais como Facebook só permitem a entrada de pessoas maiores de 13 anos de idade, o que sabemos que nem sempre é respeitado. Falo tudo isso para demonstrar a você que não há motivos para discutir o uso da internet pelas crianças, a verdade é que nessa idade elas não deveriam ter uma conta no Facebook, Twitter e tantas outras redes sociais.

Lugar de criança é se divertindo com os coleguinhas e não atrás de um computador postando fotos e outras coisas. Deixe isso de usar as redes sociais para quando ela crescer, afinal terá muito tempo para fazer isso, deixa-a aproveitar a infância que é a melhor parte da vida.

Com relação à idade sou um pouco menos rígido. Acho que a idade para alguém começar a acessar a internet é ao completar 11 anos de idade, é a idade onde a tal pré-adolescência começa. Digo ainda que os pais devem acompanhar o acesso das crianças a internet ao menos até os 13 anos de idade. Acompanhar e mostrar o que é certo e errado na rede, sou totalmente contra programas que bloqueiam certos sites, prefiro uma criança que sabe que não deve acessar aquele site porque é errado, ao invés de uma criança que não acessa o site porquê tem algo bloqueando essa ação.

E por fim acredito que devemos parar de discutir sobre como evitar que uma criança de 7, 8 anos, possa falar com um estranho que pode ser um pedófilo, e ao invés disso parar e pensar, peraê, o quê que uma criança dessa idade está fazendo na internet.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.