Curiosidades para um gaúcho em Santa Catarina

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Típico Gaúcho

Passei minhas últimas férias na cidade de Balneário Camboriú (SC) e tenho algumas observações a fazer, principalmente para os meus companheiros gaúchos que tem vontade de sair da pátria gaudéria.

Bom, em primeiro lugar, quando for a uma padaria, por favor, peça pão francês ou pão salgado, de forma alguma peça cacetinho (forma como é chamado o pão no RS). Pois pedindo dessa maneira algumas coisas digamos não muito legais podem acontecer, como você passar vergonha, não ter seu pedido atendido, ou até ouvir poucas e boas, pela má interpretação que alguns podem ter.

Outra curiosidade é que se você pedir uma torrada em SC, provavelmente eles vão-te trazer um belo de um pão torrado, sem recheio algum, pois a conhecida torrada no sul, aqui na verdade se chama misto quente. Pedindo torrada aqui você vai receber um pão torrado ao belo estilo de filmes hollywoodianos.

E algo que me surpreendeu, foi o fato de os barrigas verdes não conhecerem as merendinhas, que no digamos nome cientifico é waffer, mas muito conhecidas como merendinhas. Se você pedir merendinha aqui, realmente eles não vão saber o que te entregar, mesmo sendo o nome correto waffer, nós gaúchos de uma boa parte do RS não abrimos mão de chamar de merendinha.

Mas esse último fato não vale a pena discutir muito, pois em uma parte dos RS também é chamada de waffer, mas enfim, é merendinha também!

Então você companheiro gaudério, tome cuidado ao sair da província e fique ligado nessas grandes diferenças de estado para estado.

24 Comentários


  1. Moro no sul de SC.

    Aqui é mais comum chamar o pão francês de pão d’água.

    Também uso o termo merendinha, e torrada é com recheio.

    Responder

  2. kkkkkkkkkkkkkkk verdade!
    Só não entendo pq vocês gaúchos, não vão com a cara de nós Manés da Ilha!

    Responder

  3. bah não me perguntes onde fica o alegrete, pois semáforo é sinaleira, auto é carro, lomba é ladeira, brigada é policial, negrinho é brigadeiro, branquinho é beijinho, guri é moleque , prenda é moça, tundra de laço é surra, bolixo é buteco…

    Responder

  4. DE qual parte de SC vc ta falando? Precisa andar mais nesse estado amigo. Pelo jeito vc não conhece o oeste e o meio oeste. Torrada e cacetinho são palavras corriqueiras . Você até vai encontra-las estampadas nas padarias e lanchonetes da regiÃo. Passa em Chapecó matear em um dos 4 CTGs da cidade 😉 . Abs

    Responder

    1. "Passei minhas últimas férias na cidade de Balneário Camboriú (SC)"

      Mas é verdade o que vc falou Michel. Aliás, o litoral é bem diferente das outras partes do estado.

      Responder

  5. O maior desejo de um gaucho e levar cacetinho em SC…….
    Ve pra ca so pra isso…
    KKKKKKKKKKKKKKKKK

    Responder

  6. Compreensível que no oeste de SC, as palavras do RS sejam corriqueiras, afinal de contas são praticamente colonias gaúcha. FATO.

    Responder

  7. Sou do sul de Santa Catarina, pelo visto somos mais gaúchos que catarinenses então, porque chamamos waffer de merendinha, misto quente de torrada. A diferença fica pelo pão francês que aqui é pão d’água.

    Responder

  8. Meu caro, vc deve sair um pouco mais da sua querência amada, quem sabe perceba que as diferenças nesse mundo vão bem além das encontradas nos nomes de alguns produtos entre RS e SC…

    Responder

  9. tem mto gaucho maldito q vem pra SC e fica reclamando pra k7. pqp se ae q é bom, pq vem entao?? aqui em Itapema, vizinha de BC ja ta infestada dessas pragas. pfv. fiquem ae!!!

    Responder

  10. É verdade. Em 2010 mais de 10 mil gaúchos vieram para Santa Catarina. E os 50 mil catarinense que deixaram o estado, foi por causa dos gaúcho também. Parem de reclamar, mas continuem vindo! Os donos de pousadas, restaurantes, hotéis e casas noturnas agradecem.

    Responder

  11. Esses gaúchos são retardados, se acham os inteligentes, que eles são o Brasil e outros Estados são o resto do Brasil. Acho que 90% do Brasil fala Pão Francês e o cara falando como se SC que tivesse o idioma trocado. Pior ainda é os comentário… puff povo fodido.

    Responder

  12. o Gaucha vai pra SC pra desenvolver o estado, principalmente no litoral hoje em dia, afinal de deixar pros barriga verde, estariam no boteco tomando cachaça, e cuidando dos passarinhos (ok eu sei que não todos), mas já fizemos isso no passado, é só ver o oeste. e o Fato que o litoral catarinense é só exploração Turística no verão, nada além disto.

    Responder

  13. A cultura do Gaucho é Chimarrão e CTG. HAHAHAHAHAHA. Isso é o que eles chamam de cultura, ir com a garrafa termica p praia. Sem contar que tudo isso e tradicao dos Pampas argentinos. Gauchos = Argentinos

    Responder

  14. Bah chega na padaria e pede um cacetinho com salsichao…. Ai ai só gaucho mesmo!!! E depois ainda se acham os machoes. Da licenca ne

    Responder

  15. Ignorantes que vêm de outros estados e acham que todos aqui tem que entender seus palavreados regionais… Se não quer ser mal compreendido fique no seu estado!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.