A situação da Palestina

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Palestina

O conflito entre palestinos e israelenses surgiu com a criação do Estado de Israel em 1948 pela ONU.

O conflito deve-se ao confronto entre duas ideologias: o sionismo que é um movimento israelense pela criação do Estado de Israel; e a ideologia nacionalista árabe.

Os israelenses são um povo de origem semita que teria migrado para a região da Palestina, ido depois para o Egito, e mais tarde, retornado a Palestina.

Mais tarde acontece o “cisma”, que foi a divisão do território em 2 reinos, o reino de Israel ao norte e o reino de Judá ao sul. O cisma enfraquece os 2 reinos facilitando seu domínio pelos Assírios quando os Israelenses são levados para a Babilônia.

Anos depois Ciro permite que voltem para a região da Palestina, onde são dominados pelos romanos que os expulsam do local.

Os árabes são descendentes de povos nômades que habitavam a península do Sinai. Com a unificação da Arabia surge de fato a identidade do povo árabe.

Com o surgimento do nazismo o movimento sionista ganha força e os israelenses começam a migrar para a Palestina formando colônias agrícolas. E finalmente a ONU proclama a criação do Estado de Israel em 53% do território e a criação do Estado Palestino em 43% do território.

Israel ganha apoio dos Estados Unidos e os árabes da extinta União Soviética. Contudo Israel sofre pressão para assinar um acordo de paz onde reconhece a soberania Palestina sobre a Faixa de Gaza e Jericó.

3 Comentários


  1. Nada contra a religião, mas no caso da palestina o que realmente incomda é a religião pela parte dos Israelenses, e pela parte dos Palestinos é o orgulho e as riquezas que há nesse local.

    Responder

  2. Jackson

    Realmente o conflito envolve um pouco de religião, pois existe uma disputa pela cidade de Jerusalém e nenhuma das duas etnias abre mão da cidade. Jerusalém é sagrada tanto para Judeus como para muçulmanos.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *